Quadrilha que tentava furtar dinheiro e clonar cartões em caixa eletrônico é presa pela PM

0

As primeiras prisões ocorreram em Cambará, por volta das 12h00min do sábado, 13/03/2021, logo após as equipes policiais militares flagrarem os marginais dentro da agência bancaria colocando dispositivo para clonar cartão, conhecido por “chupa cabra”, num caixa eletrônico.

Nesta ação policial, 02 indivíduos foram presos e os demais conseguiram fugir logo após abandonarem o veículo Jeep Renegade, que estava utilizando na fuga, dentro de um riacho. Também foram apreendidos 02 aparelhos “chupa cabra”, 02 celulares e 01 extrato bancário falso.

As demais prisões ocorreram em Jacarezinho, por volta das 17h30min, do mesmo dia, quando a equipe policial recebeu uma denúncia que indivíduos estavam tentando furtar dinheiro de caixa eletrônico de uma agência bancária.

No local, os policiais visualizaram 02 suspeitos dentro da agência acoplando um aparelho ao caixa eletrônico. Eles foram abordados e constatado, junto ao caixa em que estavam, 01 aparelho “chupa cabra” e uma haste de metal, que eles estavam tentando “pescar” envelopes de depósitos.

Concomitante a estas últimas prisões, uma equipe policial militar abordou outro veículo Jeep Renegade suspeito de pertencer ao grupo criminoso, na Rodovia BR 153, sentido Jacarezinho – Ourinhos/SP.

Dentro do carro foi encontrada uma mochila contendo 01 aparelho “chupa cabra”, fita adesiva cinza, fita dupla face branca, tesoura, chaves de fenda e estilete e pessoais de um dos indivíduos que foi flagrado dentro da agência de Jacarezinho. O condutor foi detido.

Ao todo foram presos 02 indivíduos em Cambará (28 e 31 anos) e 03 indivíduos em Jacarezinho (27, 27 e 30 anos), todos com endereço de São Paulo/SP. Eles também confirmaram que realizaram o mesmo crime numa agência bancária de Ribeirão Claro.

Os 05 indivíduos receberam voz de prisão e foram encaminhados a Delegacia da Polícia Federal de Londrina.

 

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.