Indivíduo de 23 anos tenta despistar PM com endereço falso mas é preso com grande quantidade de drogas

0

Em ações da Operação Pronta Resposta III na Vila Ribeiro, em Jacarezinho/PR, os policiais militares do BOPE abordaram um indivíduo suspeito que estava em posse de 06 pinos de cocaína, dentro do bolso de suas vestes.

Para tentar despistar os policias sobre onde ele guardava as drogas para venda, o abordado deu endereço falso à equipe, dizendo que morava com sua avó, ali nas proximidades, na Rua Haroldo Bianchi, para onde os policias foram e receberam a informação que ele não morava ali, e, sim, noutra casa, na mesma rua.

Diante disso, os policiais militares endereço do suspeito e constaram haver duas casas no terreno, sendo confirmado que ele era inquilino da casa dos fundos.

Em buscas na residência do abordado, os policiais encontraram uma bolsa escondida na calha da lavanderia, na qual havia 06 tabletes de maconha. Dentro da residência foram encontradas mais porções de cocaína, duas balanças de precisão, dinheiro e um caderno com anotações do tráfico.

O abordado afirmou ser proprietário do entorpecente e apetrechos apreendidos, bem como confirmou que realmente traficando drogas naquela região.

Ele foi identificado, 23 anos, recebeu voz de prisão e foi encaminhado para Delegacia de Polícia de Jacarezinho.

Resultados obtidos:
01 indivíduo, 23 anos, preso por tráfico de drogas;
06 tabletes e uma porção menor de maconha, que pesaram (3,650 kg);
81 g de cocaína;
02 balanças de precisão;
01 caderno de anotações do tráfico;
R$ 189,00.

Sobre a Operação Policial:
A Operação Pronta Resposta III está sendo desencadeada pelo Subcomando Geral da PMPR, por equipes de patrulhamento tático do BOPE/RONE, para fazer frente ao crime organizado. A aplicação é feita com base no planejamento estratégico da PM, com informações obtidas pelo setor de Inteligência da Corporação, de forma a dar pronta resposta caso aconteça alguma ação crítica, de modo que, policiais militares possam fazer bloqueios e barreiras, em todo o Paraná, para prender os criminosos. São ainda desenvolvidas ações de combate ao tráfico de drogas, contrabando, furtos e roubos entre outros delitos, em apoio as equipes que já atuam na região.

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.