Edital Emergencial da Cultura atenderá artistas de Jacarezinho

0

A cidade de Jacarezinho lançará nesta semana, o Edital Emergencial de Arte, Cultura e Entretenimento, que objetiva assegurar a manutenção das atividades culturais, bem como fomentar a economia local. Realizado pela Secretaria de Educação, Cultura e Esportes, com apoio da Pró-Reitoria de Extensão e Cultura, da Universidade Estadual do Norte do Paraná (UENP), o Edital possui o valor de R$40 mil e contemplará, por meio de processo de seleção, 35 projetos voltados para todos os segmentos da cultura, incluindo os técnicos da cadeia da produção cultural.

Segundo a organização, o Edital garantirá, neste tempo de pandemia, o fomento à produção de artistas, produtores e técnicos culturais de diferentes áreas que tiveram suas atividades interrompidas ou afetadas, economicamente, pelas medidas de distanciamento social. As ações culturais que ocorrerão em decorrência do Edital serão transmitidas ao vivo ou em conteúdo gravado, todas apresentadas no universo online, seguindo normas de segurança estabelecidas pelos órgãos de saúde oficiais. Poderão se inscrever todos profissionais de Jacarezinho, naturais ou não, tendo prioridade para aqueles que residam atualmente no município e que não possuem renda fixa.

Para o prefeito de Jacarezinho, Sérgio Eduardo Emygdio de Faria, a medida amenizará os impactos que a pandemia relegou a todo o setor cultural. “Jacarezinho é, de longe, uma potência na área da cultura. Podemos nos considerar um polo cultural de referência para muitos municípios e nos alegramos com isso. E neste tempo de distanciamento social, os nossos artistas foram, financeiramente, muito impactados. Este projeto, elaborado pela secretaria de Educação, em parceria com a UENP, é uma forma de contribuir com esse setor da sociedade que, diariamente, alimenta as nossas vidas por meio da fruição estética e pelo fazer cultural”, disse.

A secretária de Educação, Cultura e Esportes, Danielle Cruz, ratificou a importância do Edital para a cultura do município. “A área da Cultura precisa estabelecer uma relação com os artistas de maneira que possibilite atos de solidariedade em todos os setores. Neste tempo, precisamos reconhecer a especificidade do setor cultural, e, sobretudo, cultivar e reinventar a existência e a vida através da cultura. Esse evento significa muito para o nosso município e irá engrandecer a nossa área cultural”, ressalta.

Parceria com a UENP
Inserida no contexto cultural da região, a Universidade Estadual do Norte do Paraná discutiu, junto ao poder executivo, a elaboração do Edital Emergencial. A Pró-Reitoria de Extensão e Cultura, setor responsável por pensar a cultura dentro da Universidade, trouxe a experiência dos projetos que ocorreram por meio das plataformas digitais, como foram os casos do Festival Arte em Casa UENP e o projeto Naquele Tempo. É o que comenta a pró-reitora, professora Simone Castanho.

“Ficamos muito felizes de poder fazer parte da história cultural do município de Jacarezinho. É uma honra partilhar a nossa experiência no que diz respeito a elaboração e execução de políticas públicas para a cultura em nossa região. Tenho certeza de que este projeto renderá muitos frutos e minimizará os efeitos negativos da pandemia. Os nossos artistas merecem”, frisa.

O diretor de cultura da UENP, professor James Rios, também comentou sobre a importância das parcerias para o fomento da cultura em tempos de crise. “Este Edital é um marco para história da cultura local. Essa política de fomento vai ao encontro dos anseios dos nossos trabalhadores da cultura. A cidade, como um todo, está amadurecendo no trato com a articulação de uma política cultural que ser quer eficiente. Minha gratidão à equipe da prefeitura, da UENP, e, também, ao presidente do Conselho de Cultura, Renan Bonito, com quem estive amadurecendo as ideias para este projeto. Estou feliz por tudo isso”, acentua.
Tiago Angelo

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.